Ignorar os sentimentos é ter equilíbrio emocional?

É consenso geral que ter equilíbrio emocional gera mais qualidade de vida e oportunidades profissionais.

Recentemente, eu li que “a pessoa é contratada pelo que sabe e demitida pela forma como se comporta”. E eu acredito muito nisso porque é mais fácil treinar o funcionário para aprender aspectos técnicos de sua função, mas é bem mais desafiador treinar o seu comportamento. Treinar o comportamento leva mais tempo e exige mais disciplina e determinação.

Portanto, desenvolver o equilíbrio emocional deveria ser uma das primeiras habilidades a serem trabalhadas quando se pensa em iniciar a vida profissional.

Porém, apesar de tantas informações disponíveis percebo que, de fato, as pessoas acham que para ter equilíbrio emocional basta esconder ou ignorar seus sentimentos, que basta passar uma imagem de alguém com aparente tranquilidade frente aos conflitos e frustrações que isso será suficiente.

Vejo pessoas que frequentemente me dizem que são mais racionais do que emocionais.  E eu muito respeitosamente rio por dentro.

Leia mais